segunda-feira, 31 de maio de 2010

Notícia de hoje

Do "Notícia de amanhã", foi escolhida a segunda:

"Maria de Fátima Rodrigues Travassos Cordeiro foi reconduzida ao cargo de Procuradora-Geral de Justiça. Ela foi a segunda colocada na eleição do último dia 17, com 146 votos. Ao assinar o ato etc etc."

8 comentários:

Aloisio disse...

ETC ETC = ???
Nunca um etc etc foi tão desejado.
O que teria motivado Roseana Murad Sarney, que sempre escolheu o primeiro da lista, a escolher Fátima??
Acho que o Ministério Público como um todo perde.
Perde também Roseana Sarney, que após anunciar aos quatro cantos que nomearia o primeiro da lista, deu ouvidos a Ricardo Murad e pôs em questão sua credibilidade.
Sai fortalecido Raimundo Nonato, que não caiu em nenhuma tentação e não se vendeu.
Agora, cabe a Fátima Travassos por em prática seu plano divino para tentar tirar da lama o MP maranhense.

Não sei quem disse...


“Isso é uma ofensa à...”
(O comentarista não se identificou. Não publicamos anônimos)

flor disse...

.
A Decência, a Boa-fé e sua irmã a Vergonha-na-cara estão todas de LUTO.

A Democracia, a República, a Liberdade e o seu irmão Direito estão todos MORTOS.

Levou a melhor quem NAO MERECIA!

Ficou na pior os que mais precisam.

Aos votantes vitoriosos, o meu perdão. Já terão o merecido castigo ao deitarem e não conciliarem o sono com suas consciências pesadas.

A nomeadora já adoeceu. Que importa? Agora já é página virada!

Aos votantes vencidos, o meu respeito e o meu apreço. Desistir, NUNCA!

Sigamos. De cabeça erguida.

flor disse...

.

Durante mais de uma semana a calmaria e a "santidade" reinaram no MP. Sorrisos esperançosos e cumprimentos foram distribuídos generosamente.
Riso nervoso? Também.
Porém, desde que soube que seria a nomeada, na semana passada, a procuradora-geral de justiça levantou novamente o tom de voz, ou seja, voltou a sua normalidade.
Gritos, desrespeito a servidores e atitudes toscas foram fartamente distribuídas. Uma metralhadora.
Os resultados? Já começam a aparecer. Acompanhem o Boletim Interno e o Sistema de Processos. As exonerações de cargos comissionados a servidores concursados já começaram. Vem mais.

Paulo Campos disse...

Meus pêsames, especialmente aos servidores que enfrentarão mais dois anos de massacre!

Patrício disse...

Sinceramente não era isso que eu esperava e queria, mas dou meus parabéns a escolhida, Procuradora Geral da Justiça de Roseana, Maria de Fátima Travassos.

sandro bíscaro disse...

Não sejamos inocentes. E cuidemos com os éticos oportunistas, ou de ocasião.
O fato é que em nosso MP, lamentavelmente, impera a prática do lobby na escolha do PGJ. Não há exceção.
E enquanto assim for, não teremos moral para exigir do governador que abdique de seu direito constitucional em prol de algo que nem nós, os maiores interessados, conseguimos resolver (respeitar o mais votado).

Mauro disse...

Quanta falácia e hipocrisia, Sandro Bisca. Sei o que pensas e defendes. Suas palavras nunca refletiram a sua verdade.